O Inbound Marketing representa uma abordagem estratégica centrada na criação de conteúdo orgânico e no fortalecimento do relacionamento com os clientes. Essa metodologia visa dois objetivos primordiais: atrair indivíduos para conhecer a marca por meio de conteúdos envolventes e relevantes, e manter a relevância junto à base de clientes por meio de conteúdos personalizados. O Inbound se baseia em cinco pilares essenciais ao longo do funil de vendas de um negócio:

 

  • Atração: Este estágio constitui o primeiro contato do público com a marca ou serviço, enfocando a criação de conteúdos amplos que despertem a atenção, sem um foco direto na venda. O intuito é atrair a atenção do público.
  • Conversão: Após a introdução à marca, serviço ou produto, os conteúdos nesta fase visam converter o usuário, incentivando-o a interagir através de formulários, landing pages, sites ou mesmo tornando-se seguidor nas redes sociais. O objetivo é dar continuidade à comunicação.
  • Relacionamento: Nesta etapa, inicia-se a introdução da intenção de venda. Os conteúdos podem informar sobre o serviço, a área de atuação da empresa e apresentar soluções para as necessidades do usuário que possam ser resolvidas pelos produtos da empresa.
  • Venda: Aqui, a venda é o foco central dos conteúdos. O usuário já passou por todas as fases anteriores e está pronto para ser abordado pela equipe de vendas ou instruído para concluir a compra. Os conteúdos destacam benefícios, condições de pagamento, garantias e demais aspectos relacionados ao produto.
  • Encantamento: A estratégia do Inbound Marketing continua após a conclusão da venda, visando manter o relacionamento com o cliente para futuras transações. Os conteúdos buscam tornar os clientes defensores positivos do produto ou serviço, incentivando recomendações a outras pessoas, especialmente em seu círculo social.

Ao compreender as etapas do funil do Inbound Marketing, você está mais bem preparado para aplicar essa abordagem em suas campanhas. Para auxiliar nessa jornada, recomendamos duas empresas:

Comentários